sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Iniciação às Ciências - experiência da chuva

Hoje de manhã observámos o granizo que caía no recreio e falámos disso. Então a Leonor lembrou-se de fazermos a experiência da chuva de tarde, mas precisávamos de espuma de barbear. De tarde tivemos uma linda menina que não se esqueceu e trouxe! Tínhamos uma folha para o registo e começámos por observar e registar os objetos que íamos necessitar: um recipiente com água, a espuma de barbear e corante alimentar.




1 - Pusemos a espuma, que simula as nuvens e as nuvens são a água no estado gasoso  e que estão no céu, em cima da água, que está no estado líquido.
2 - Deixámos cair umas gotas de corante alimentar na espuma,  que mais carregadas, deixam cair o corante. 
3 - Em síntese: faz de conta que a espuma são as nuvens; o corante é mais água e como pesa sobre a espuma, atravessa-a e cai na água, como se fosse a chuva a cair na atmosfera. O corante é como se fossem os pingos de água na atmosfera -  a chuva! Quando faz muito frio, como hoje de manhã, os pingos de água da chuva transformam-se em gelo e chama-se granizo, porque o ar ambiente está demasiado frio.




 Depois a espuma era tão cheirosa e tão macia que apeteceu mesmo ver como era ... e lá gastámos mais um bocadinho de espuma ao pai!


 Fizemos mais uma experiência: juntámos farinha, para ver o que dava ... a Leonor disse que fazia massa de cores, mas de outra maneira, de uma maneira diferente daquela com sal que costumamos fazer. E estava certa!


 Para a semana a Leonor vai comprar espuma de barbear, fazer de novo a experiência, porque os pequenos estavam a dormir e fazer massa!
 E o pai também mereceu uma pequena mensagem feita com gratidão!

0 Comments:

 
Templates Mamanunes