sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

O desfile de hoje: os continentes

No âmbito da temática do Plano Anual de Atividades "Bullying? Não obrigada ...", o desfile de Carnaval teve como tema os continentes e a sua diferença. Cada 2 salas, uma do 1º ciclo e outra do pré-escolar, tiveram um continente sobre o qual os pais se inspiraram para criar os fatos. A adesão dos pais, como habitualmente, foi fantástica e daí o sucesso do desfile de hoje. Aproveitam-se alguns momentos da vida escolar dos alunos para se implicar os pais na vida escolar dos seus educandos e realizar em casa os fatos de fantasia, em família.
Está aqui o resultado ...

  

Mas de manhã a Ana Cláudia, da Componente de Apoio á Família, veio dançar conosco e trouxe umas músicas, que já estão no nosso computador! :)


quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

As máscaras de hoje

Foi um dia divertido, com direito a desfile na sala e tudo, como verão num outro post, quando conseguir até carregá-lo no youtube.
Começámos a manhã com alguma atribulação, como é natural em dias como este, mas lá nos reunimos todos, pois foi uma semana de casa esgotada, para falar do Carnaval, da Quaresma e da Ressureição de Cristo, na Páscoa, que virá a seguir ao Carnaval. O dia de Carnaval comemora-se mesmo na teça-feira. 

 


quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Mais 2 dias à volta de África ...

Falta-nos escrever os registos acerca de África que fizemos no ínicio do projeto, mas eles virão ...
Ontem e hoje dedicámo-nos a continuar explorar o tema que nos tem ocupado. De manhã fomos ver à Casa do Folhas o vídeo da Ana, que a Leonor já tinha querido mostrar e não tinha conseguido, lanchámos e depois, entre as muitas coisas que os nossos 26 Galegos se ocuparam, uns quantos - mas bons - ocuparam-se a terminar o painel sobre África, depois da seleção, recorte e colagem. Também pusemos à entrada da nossa sala uma pequena mesa com panos, estátuas e instrumentos musicais africanos. Não tirámos fotos mas tiramos amanhã, sem falta. De tarde fizemos o cartaz para levarmos no desfile de sexta-feira. A sala 6, da professora Lúcia fez o verso e nós fizemos o cartaz, mas só terminaremos amanhã, no dia da confusão que já se adivinha, pois amanhã a criançada traz os fatos de casa. Vamos ver quem vem amanhã à escola, mas pensamos que virão princesas, bruxas, super-homem e outras personagens, que em dias normais não viriam, certamente ....



 

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

O olhar dos Galegos sobre a Galega Mor

Pois é ... também foi a vez da Galega Mor festejar o seu aniversário junto dos seus Galeguitos e trouxe um pequeno chocolate para cada um, afinal era dia de festa, e um bolo, que quis saudável, uma tarte de maçã, mas que poucos apreciaram, infelizmente. Mas ficou a promessa: para o ano será de chocolate! Depois cada um, a seu pedido, fez um desenho e descrevia o que desenhou e dizia o que mais gostava e menos gostava ... na Galega Mor! Eles são muito bondosos e eu apareci toda linda, princesa e, incrivelmente, ninguém apontou coisas que não gostava em mim. Assim, a Galega Mor continuará como sempre: exigente e amorosa com todos.
Neste pequeno filme também juntei "prendas" do ano passado, prendas que gostam de me presentear pela manhã e que estão numa parede, já quase cheia.

 

Palhaços ...

Há semanas atrás já começámos a falar do Carnaval e de África, já que, tratando da diferença e do respeito que todas as pessoas devem ter umas pelas outras, respeito pela diferença que existe entre países e continentes, o nosso continente de inspiração é esse. Mas no final da semana passada estivemos de volta das palhaçadas e dos palhaços, dos príncipes e das princesas e outras figuras do Carnaval. Centrámo-nos nos palhaços, já que também foi a figura que escolhemos para decorar a nossa porta, e fizemos cada um o seu. E está aqui o resultado do nosso esforço...

 

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

A nossa nova amiga Fatumata, da Guiné-Bissau

No dia 18 chegou-nos uma nova amiga: a Fatumata Djaló. Ela vem da Guiné-Bissau e não fala português. Ainda bem que começamos o dia com a canção dos Bons-dias, pois assim, cada um diz bom-dia ao colega do lado e em apenas 2 dias, a Fatumata já começou a repetir os nossos nomes. Ela também experimentou a pintura e gostou muito, assim como dos jogos e do desenho. No dia anterior a educadora Graça Querido trouxe-nos esta novidade e nós ocupámos logo parte do dia a investigar sobre o país dela, onde é que ficava no mapa - fica no continente que se chama África - como se vestiam, como eram as casas e ouvimos música guineense, que é muito alegre e bonita. Também vimos livros que tínhamos já trazido da biblioteca sobre África e um livro que é do Miguel e que tinha logo na capa o desenho de uma menina, mesmo parecida com a Fatumata! 
Até calhou muito bem a chegada da Fatumata, pois o nosso continente de "inspiração" para o Carnaval é África, sobre o qual já começámos a falar e a conhecer.

 

Finalmente o palhaço, no dia 17

Pois finalmente terminámos o palhaço e foi ele a nossa maior ocupação de hoje, mas valeu a pena, porque gostamos imenso da nossa porta ... :)



Dia dos amores e dos afetos ... o dia 14 ...

Foi um dia muito preenchido: queríamos fazer corações, pois logo de manhã alguns de nós trouxeram a "novidade" do Dia dos Namorados. Falámos do amor, o que era, da amizade, de quem amamos ... A Leonor sugeriu, já que queríamos fazer corações, se queríamos experimentar colorir corações utilizando um escorredor de saladas. Salada? Como seria? Experimentámos, mas depois lembrámo-nos dos berlindes e fizemos muitas pinturas para fazer um painel grande. Gostámos muito, mas o barulho dos berlindes ... 
Estas são algumas imagens do dia ...





 



E no dia 13?

Pois do que mais gostámos foi do lápis aquecido na chama da vela. Por serem de cera, ficam moles, mas a Leonor falou várias vezes que, por ser perigoso, não podíamos fazer esta atividade em casa sem a ajuda dos pais, que tínhamos de pôr só a ponta do lápis e os dedos o mais longe possível da chama, para não nos queimarmos. Correu muito bem e verificámos que assim as cores ficam muito mais vivas ... 
 

No dia 7 fizemos muitas coisas ...

No dia 7 fizemos muitas coisas: continuámos com a decoração da porta, o palhaço, fizemos plasticina caseira, outros continuaram com o seu projeto dos livros de histórias, fizemos desenho e jogos.

 




quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

E o dia 6 de fevereiro? Como foi?

Pois neste dia decidimos concretizar o palhaço que queríamos fazer para a porta, uma vez que estamos já perto do Carnaval. Fizemos assim: como nenhum de nós sabia fazer um palhaço tão grande, a Leonor foi com alguns de nós fazer uma pequena pesquisa na internet sobre os palhaços. Vimos várias imagens e decidimo-nos por uma, que a maioria gostou. Depois ajudámos a Leonor a medir e a cortar a folha em papel cenário, ela desenhou e depois pintámos, em pequenos grupos.

 

Os dias 3, 4 e 5 como foram?

No dia 3, segunda-feira, temos sempre os registos, que nos ocupam todo o tempo até ao lanche e, às vezes, ainda o continuamos a seguir ao lanche. Simultaneamente, alguns fazem atividades de livre escolha. No dia 2 andámos muito interessados com uma caixa que a Leonor tinha trazido e, assim, oupámo-nos a brincar com as formas geométricas e a transpor para o papel algumas das nossas construções e no dia 3 fomos de manhã e de tarde para a biblioteca.

 

domingo, 2 de fevereiro de 2014

As nossas duas últimas semanas

Peço desculpa pela ausência do blogue, pois sei que algumas mães são assíduas em vir aqui, mas razões pessoais, principalmente saúde, têm-me impedido de vir à internet, com regularidade e com tempo.
Fazendo uma breve síntese do que foram estas duas semanas, juntarei num vídeo todas as imagens mais pertinentes de alguns desses dias. Basicamente, andámos muito ocupados em mudar a sala, de forma a organizá-la mais de acordo com os interesses deste grupo, tendo sido criadas 3 pequenas áreas: a da "Língua Portuguesa e Matemática", nome atribuído pela Mónica, onde estão jogos e material destinado à emergência da escrita e da matemática; a "Área dos Projetos", que tem ocupado principalmente as meninas e que é um canto sempre disponível para as crianças fazerem construções, recortes e colagens, utilizando material de desgaste (pelo que precisamos de lã, botões, fitas, tecidos...); e um pequeno recanto, a Área dos Puzzles, constituído por uma mesa retangular, num pequeno canto da sala, para fazer e guardar para o dia seguinte os puzzles mais complicados, os trabalhos para acabar ou desenhar em pequeno grupo.
Temos ainda a tarde de segunda-feira, a usufruir com a Sala Verde, e todo o dia de quinta-feira para podermos ir (oito de cada vez) para a Casinha das Bonecas, o que estamos já a fazer nestas duas semanas, pois este é um espaço muito apreciado e importante para as crianças. 
Assim, temos a manhã de segunda-feira para os registos do fim-de-semana e/ou outros e, à tarde, temos a Casinha das Bonecas; temos a manhã de terça-feira no Polidesportivo; temos a quarta-feira na Biblioteca, sendo a manhã para o conto de histórias ou outros trabalhos, e a tarde para a requisição individual de livros; temos a manhã de quinta-feira para a partilha de crianças para crianças (partilham histórias, jogos, trabalhos...)  e temos a sexta-feira, que irá ser destinada (temos tentado, mas sem sucesso) para a avaliação e arrumação de trabalhos. Estas são as atividades fixas, de acordo com a disponibilidade do estabelecimento e algumas de sala e o restante tempo é dedicado a jogos, desenhos, colagens, pintura, recorte e atividades de promoção da escrita/leitura e matemática. Temos ainda diariamente o período das 13:30 às 13:45 dedicado à higiene pessoal e escovagem dos dentes (começámos na sexta-feira e o copo e a escova vão e vêm todos os dias na mochila, para que a sua lavagem seja feita em casa) e o período das 13:45 às 14:00 dedicado a uma pequena pausa, durante a qual conto últimamente uma história tradicional (as crianças apenas ouvem), ao som de uma música calma. Introduzi a história, pois assim é uma forma de, principalmente os mais velhos e os que não adormecem neste curto espaço de tempo, desenvolverem a capacidade de atenção, de recontarem ou de responderem a questões sobre a mesma.

 

 
Templates Mamanunes